domingo, 19 de outubro de 2014

Biscoito de chocolate Piraquê.

  Gosto de 5 biscoitos: Trakinas, Bono, Passatempo, Oreo e com certeza o Calipso (Calipso é vida!).

  Sendo assim é bem difícil querer comprar qualquer outro, sempre acho que o gosto vai ser estranho e o recheio quase invisível. Triste aqueles biscoitos de chocolate com cor de doce de leite!

  Foi então que em uma conversa de WhatsApp um amigo falou sobre o seu amor pelo biscoito recheado da Piraquê que eu nem sabia que existia, ai não teve jeito, eu queria saber se chegava a altura desses outros.

  Aliás, não foi fácil achar, mas eu encontrei e considerei quase um milagre ( o mesmo que acontece quando achamos a Paçoquita cremosa),

  Não vou dizer que achei incrivelmente melhor do que a minha lista de biscoitos mas acho que expectativa demais é complicado!

  Tem um sabor acentuado, achei o biscoito não tem um chocolate tão bom quanto o Bono. O recheio é ótimo, cor de chocolate e boa quantidade, isso é importante se tratando de recheios. 

  O que eu mais gostei e achei vantajoso é que a quantidade é boa, não sei se todo mundo percebeu mas a maioria dos biscoitos diminuíram sua quantidade e o preço aumentou e a Piraquê se manteve com a mesma quantidade.

  O preço sugerido é de R$3,60, aproximadamente.




  Experimente se você gosta de biscoitos recheados ( mas não exagere tá?).


sábado, 18 de outubro de 2014

Bubbly Caramelo.

  Adoro chocolate aerado e gosto mais ainda de chocolate com caramelo, agora junte tudo isso e me veja surtando de felicidade!

  O novo Bubbly é assim, com "bolhas" recheadas de um caramelo muito do bom!

  Uma coisa é certa: se você não gosta de chocolate muito doce, passe longe desse. Apesar de gostar muito de caramelo, comi alguns pedaços e já estava abraçada com duas garrafas de água! Devo dizer, porém, que o chocolate acabou em instantes...

  Resumindo: é muito doce mas é bom, eu gostei e com certeza vou consumir novamente.

  Bateu saudade da Tortuguita de caramelo, não tinha a magia do chocolate aerado mais tinha muito caramelo e me fazia feliz!

  Preço sugerido: R$4,99.



quarta-feira, 15 de outubro de 2014

As trufas diferentes da Cacau Show.

  E lá vai eu de novo me aventurar em sabores diferentes de chocolate, no caso as famosas trufas da Cacau Show!

  Os sabores dessa vez já são bem famosos na verdade: pudim de leite, maçã do amor, beijinho e algodão doce.

  Vou resumir o que eu achei de todas e depois falo um pouco de cada uma separadamente: não pretendo comprar de novo.


  • Pudim de leite: não é assim ruim, na verdade eu fiquei pensando se realmente tinha gosto de pudim ou de beijinho.
  • Maçã do amor: tem muito cheiro de maçã com canela. O sabor de maçã é bem acentuado e muitas pessoas gostam, eu não achei tão legal.
  • Beijinho: beijinho ou trufa de coco, não muda muito um do outro, acredito que a trufa de beijinho seja um pouco mais adocicada.
  • Algodão doce: Não dá, eu não consigo gostar! achei melhor que a trufa de chiclete da Brasil Cacau pelo menos. Como eu já disse, esses sabores deve funcionar melhor com paladares mais infantis e olha que eu sempre achei que o meu paladar tem 5 anos.


  É, acho que acabou meu tempo de gostar de Moranguete, aliás, eu nem sei existe mais esse chocolate mas vou atrás pra saber qual seria minha avaliação atual.

  Acho que no quesito sabores diferentes de trufas, nenhuma vai ser melhor que a de pimenta da Cacau Show, amei e quero encontra-la de novo.

  Vamos ver qual vai ser a próxima!

  ;)





domingo, 12 de outubro de 2014

Dia das crianças.



  Ás vezes dizem que eu não cresci muito, pela altura ou pelo gosto pessoal.

  Eles dizem: "Ah essa Luana, parece criança feliz."

  Sim, eu realmente pareço porque talvez essa seja a melhor parte de mim.

  Quando paramos de comemorar o dia das crianças e pior ainda, quando esquecemos a data que era tão importante, muitas vezes quer dizer que estamos ocupados demais. Se a ocupação for muito boa até vale a pena mas se for para se tornar amargo e rabugento é melhor deixar passar.
  Tenho certeza que a maioria dos meus colegas dos anos 90 estão assim, reclamões, daquele jeitinho que a gente não conseguia entender quando nossos parentes queriam ir embora logo da festinha colorida cheia de brigadeiros ( confesso que se tivesse palhaço no lugar eu concordava plenamente e ia embora feliz da vida).

  Resolvi listar aqui alguns motivos para lembrar que nós, crianças da época onde não existia essa tecnologia toda, fomos extremamente felizes e temos todo o direito de continuar sendo uma criança feliz!

  Em algumas palavras consigo resumir o que foi a minha infância, mas se você manja dos paranauê do chocolate Surpresa sabe do que eu to falando!


  •  Pokémon, Sailor Moon, Dragon Ball Z, Power Rangers, Cavaleiros do Zodíaco, O fantástico mundo de Bobby, Os anjinhos, Cavalo de fogo, Doug.
  • Tv Cultura, Chaves em acapulco, Chaves vendo o filme do Pelé, Chapolin e o abominável homem das neves.
  •  Chocolate Surpresa, Turma da mônica, Kinder ovo barato, brindes legais da Elma Chips, Mc Lanche Feliz,  caça aos ovos de páscoa na escola.
  •  Medo de palhaço, medo de piscina e do mar, medo de manequim de loja.
  • Estojos automáticos, borracha que apaga caneta, lápis que vira aquarela, lápis de cor de muitas cores que ninguém usa mas quer ter, grafite 0.5 que não presta pra nada, canetinha branca que apaga as outras cores, unha pintada de corretivo, tênis que pisca.


  Tem muita coisa guardada que eu vou deixar aqui, eu não me separo da Luana criança por nada nesse mundo, é ela que faz os meus dias mais felizes e acreditem, quem me conhece bem adora ela!

Feliz dia das crianças!





sábado, 11 de outubro de 2014

Eu cresci e fiquei medrosa.


  Juro que não é com tudo, não tenho aquele pânico de gritar quando vejo ratos e baratas, enfrento muito animal estranho sem problemas( tem duplo sentido isso ai!). Se a barata não voar, tudo certo. Se a barata voar eu saio correndo mas esse ano eu matei uma sozinha, então isso quer dizer que estou conseguindo superar. As aranhas não tem a minha simpatia mas acredito que não tenha a simpatia de muitas pessoas então tudo bem também.

  O meu problema agora é outro, eu comecei a ter medo de filmes de terror.

  Posso listar aqui muitos filmes que eu já vi, depois eu ficava meio impressionada mas nada demais, uns dois dias depois eu já estava bem de novo. Eu tinha a maior curiosidade de assistir Exorcista por exemplo, desde pequena, só de ouvir outras pessoas comentando sobre o filme. Quando tinha uns 12 anos meu pai resolveu alugar o tal filme para matar minha curiosidade. Assisti com ansiedade mas sem maiores problemas, sempre de dia é claro, fiquei pensativa mas não perdi o sono.

  Tempos depois, já com 20 anos, eu assisto o mesmo filme e pasmem: quase duas semanas dormindo de luz acesa.

  Hoje apareceu um link no Facebook falando sobre o jogo Silent Hill. Não entendo absolutamente nada de games mas eu cliquei porque sou curiosa e o título era muito chamativo, mais ou menos assim: Porque todo mundo tem medo do Silent Hill? pois é, não sei, não conheço, não poderia deixar de saber né? claro que não!

  Cliquei no link com a maior coragem, comecei assistir e a primeira cena, em um cômodo vazio de uma casa abandonada, revirada e escura revelava que não ia dar certo pra mim, pausei.
Eu pausei mil vezes, abaixei a tela do notebook, desisti. Li os comentários, todo mundo levando susto, resolvi ver pelo celular, tela menor né?

  Fui pro celular, optei em ver com pessoas jogando e comentando, pelo menos ficaria mais engraçado e eu saberia que não estava sozinha nessa.
  Eu até consegui ver, o som estava baixinho, o celular meio de longe, não vi até o final, que besta que eu sou!

  O que mais me intriga é o fato de querer ver, querer saber, tenho medo mas fico insistindo em ser corajosa e sair por ai falando que não levei susto nenhum. Realmente levo pouco susto porque eu vejo tudo com o rosto tampado, fácil assim né?

  Mas tudo bem, sei que não estou sozinha nessa, nós adultos temos o problema de não querer assumir a alegria e o medo de uma forma descontrolada, acontece gente!

  Quando crescemos é assim, nós por nós mesmos, não tem essa de gritar pela mãe ou pai quando tá com medo.

  E você? tem medo do que?


quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Não fui embora.

Eu não sabia como começar esse texto, fiquei horas e horas pensando no que escrever e isso acontece com frequência. Sempre fui do tipo que escrevia em agendas e diários, achava mais fácil me comunicar dessa maneira do que falando já que sempre fui mais quieta, principalmente quando era mais nova mas ás vezes as palavras somem sem avisar nem deixar endereço e eu fico aqui perdida.

Já faz algumas semanas em que eu senti a necessidade de escrever novamente aqui, como uma dívida sabe? desde que criei essa página eu sinto que já não consigo simplesmente passar o dias sem me importar com o que é publicado aqui.

Ta certo que ás vezes as coisas saem um pouco do eixo né? nosso dia a dia, por mais que possa existir uma rotina, nem sempre é exatamente do jeito que planejamos e isso pode causar alguns atrasos, faltas e tristezas. Apesar de tudo eu sou teimosa o suficiente para ter certeza que o meu lugar esta sendo cuidado, dia após dia, diante a minha fé.

Agora eu também tenho um Instablog, isso mesmo INSTAblog, mistura de Instagram com blog (ah, jura?).  Achei que seria mais fácil postar sobre alguns produtos, fotos aleatórias, lugares e tudo que gosto por lá, em algumas ocasiões é mais fácil utilizar uma rede social e o Instagram é perfeito nesses casos.

Então, apesar do meu pequeno sumiço aqui eu continuei o "serviço" por lá, dedicada sempre!

No momento estou lendo o novo livro da Bruna Vieira, o De volta aos sonhos, em breve vai ter resenha dele também. Minha cachorra ( uma delas) esta se recuperando de uma operação que deu uma nova condição de vida para ela, a de enxergar novamente, então também preciso dedicar um bom tempo em me preocupar com a recuperação.

O meu Instablog é o Estilo Curiosa, me segue lá ta? pega na minha mão e não me abandona não! <3 p="">