segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Parede Cinza

  



  Confesso que me sinto muitas vezes ultrapassada e antiquada com essa rapidez nos contatos, mesmo entendendo tanto de redes sociais e de gostar das possibilidades que elas nos trouxeram. Mesmo assim, algumas vezes, eu ainda espero um gesto diferente. 

  Até uma amizade colorida hoje em dia já pode ter um outro significado, afinal, se você tem a possibilidade de conversar com alguém usando um celular, não tem necessidade alguma de se encontrar, algumas vezes, para conversar pessoalmente. Esta ai a fórmula perfeita para não se apegar, não se apaixonar e nem ser incomodado gastando o seu tempo. Encontrar pessoalmente? só se for pra rolar algo mais, caso contrário, nem pensar.

  Eu achava que estava tudo bem mas não está não. Sentir o coração disparar, ficar conferindo a hora no celular ou uma mensagem nova, sentir as pernas tremerem, tudo isso esta perdendo o seu valor, mesmo sendo algo completamente natural e que acontece, apenas acontece, somos sargentos de nossos sentimentos. Não vou me apegar e pronto, não quero saber, não, só existe o não.


  Levar um fora, deixar umas lágrimas rolar, finalmente ganhar aquele beijo tão esperado, gostar de quem não gosta da gente, gostar de quem já tem outro alguém, faz parte. Ai você não aguenta viver isso tudo e se esconde ai atras dessa tecnologia toda tratando pessoas como um contrato assinado cheio de cláusulas? assim fica muito difícil. 


  Vê se depois não reclama quando o tempo passar e perceber que esta sentindo falta de coisas simples que hoje em dia estão muito difíceis de conquistar. Não to falando de namoro não, to falando é de presença, de apoio, de um abraço naquele seu dia nublado.


  Tudo bem, nada de papel de trouxa, mas não se torne uma parede cinza, a cidade já está cheia delas.